Skip to content

Encontro das Agendas 21 sugere caminhos para São Paulo

24/01/2015

22 novembro 2011 às 9:01

Agenda 21 de Santo Amaro, reunida com o secretário do Verde, Eduardo Jorge

A cidade de São Paulo conta com uma rede de grupos de trabalhos organizados segundo as diretrizes da Agenda 21 para acompanhar as ações de cada sub-prefeitura e influir em suas decisões. Os grupos são compostos por representantes do governo, da sociedade civil e do empresariado local e suas reuniões são um palco dinâmico para ampliar o diálogo e o entendimento entre todas as partes. O objetivo final é melhor qualidade de vida para todos na cidade.

Desde 2007, os grupos da Região Macrossul da cidade, que abrange os bairros de Campo Limpo, M’Boi Mirim, Cidade Ademar, Jabaquara, Santo Amaro, Capela do Socorro e Parelheiros, se reúnem uma vez por ano para promover e integrar os seus trabalhos sócio, econômico e ambiental, definidos pelos Fóruns de Agenda 21 locais. A reunião conta com apoio dos CADES – Conselhos de Desenvolvimento Sustentável regionais, eleitos por votos diretos da população de cada uma das 31 sub-prefeituras da cidade.

O encontro é uma excelente oportunidade para integrar as análises, discussões e propostas, assim como para compartilhar conquistas alcançadas em cada bairro. Na ocasião, especialistas são convidados para participar das mesas e enriquecer a avaliação da situação de cada localidade. Ao final do encontro, sediado pelo Senac Santo Amaro, os grupos da Macrossul geram um documento entregue oficialmente à Prefeitura de São Paulo, como forma de opinar e colaborar para uma boa gestão da cidade.

Este ano, o IV Encontro, realizado de 3 a 5 de novembro, contou com uma novidade. Em comemoração ao Ano Internacional dos Afrodescendentes concedeu o prêmio “Cidadão Agenda 21” para representantes que tiveram reconhecida atuação pela causa da igualdade entre todos, aliada a questões socioambientais, nas sete sub-prefeituras.

Para saber mais, acesse Rebal – Rede Brasileira das Agendas 21 Locais.

O que é Agenda 21?

É uma carta de intenções, assinada por 179 países na Conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente e Desenvolvimento – CNUMAD, na Eco’92 – Rio de Janeiro, com compromissos para a construção de sociedades sustentáveis, conciliando proteção ambiental, justiça social e eficiência econômica.

A “Agenda 21 Local” é um processo contínuo em áreas definidas, que visa a construção de parcerias e participação dos três setores da sociedade. Constitui-se em um instrumento de planejamento e metodologia, englobando aspectos sociais e econômicos, aliados à preservação ambiental.

Anúncios

From → Uncategorized

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: