Skip to content

LEDs são melhor opção para iluminação

23/01/2015

19 outubro 2011 às 9:30


Foto de Alan J. Goulet, Wikimedia Commons

Incandescentes possuem mercúrio, elemento tóxico, em seu interior

As lâmpadas incandescentes (aquelas com luz amarela e que esquentam depois de acesas) estão sendo proibidas em várias partes do mundo. Inclusive no Brasil. E sabe por quê? Porque perdem muita energia na forma de calor, na hora de iluminar. A alternativa tem sido as lâmpadas fluorescentes (aquelas com tubos brancos), que duram mais e gastam menos. Mas, estas vantagens fazem esquecer um risco grave: o mercúrio contido em seu interior.

Quando uma destas lâmpadas quebra, o metal na forma de pó se espalha no ambiente e pode ser absorvido pela pele ou pela respiração das pessoas que passam pelo local. São necessários cuidados específicos para lidar com esta situação. Também não é fácil saber o que fazer na hora de substituí-las. Onde encaminhar as antigas? É comum vê-las junto do lixo a ser recolhido, nas calçadas, sem embalagem de proteção alguma. Muitas acabam quebrando ali mesmo e contaminando o lençol freático ou o ar local com o pó de mercúrio.

A Lei de Resíduos Sólidos exige que os fabricantes se responsabilizem pela coleta de seus produtos, após o uso. Mas, ainda não há regras de como isto deve acontecer. Neste meio tempo, os consumidores podem evitar o problema, optando pela iluminação à LED (Light-Emitting Diode – Diodo Emissor de Luz). Estes funcionam através de semi-condutores e podem gerar luzes de cores diferentes, dependendo do intervalo de energia que recebem. Eles demandam uma corrente mais precisa e estável e são mais caros, de imediato. Contudo, duram até 30.000 horas, (mais de 10 anos, se ligadas todas as noites) em condições ideais. Compare as duas alternativas:

Comparativo de Eficiência

Descrição

SB-351

Lâmpada 25W*

Lâmpada 40W*

Lâmpada 40W*

127V

incandescente -clara

incandescente -clara

incandescente – leitosa

Lúmen

240

200

500

480

Consumo máx. (Watts)

3,0

25

40

40

Lm / Watt consumido

70

8,0

12,5

12,0

Durabilidade (h)

30.000

<750

<750

<1000

Necessita reator/ignitor

não

não

não

não

* com informações do SunLab

Anúncios

From → Uncategorized

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: