Skip to content

Sustentabilidade pede bom humor

21/01/2015

17 fevereiro 2011 às 11:00

Foto de Ernandes

Com tantas informações sobre riscos e ameaças à vida na Terra podemos ficar estressados e em dúvida sobre o que fazer, que atitudes abraçar etc. Além disto, fica fácil surgirem conflitos por questões ambientais. Um vizinho que economiza a água tratada, outro que passa horas lavando a calçada com esguicho… Um simples desencontro desse pode gerar uma briga feia, se não mantivermos um bom humor para lidar com o assunto.

Ficarmos ansiosos ou impacientes e discutirmos com aqueles que ainda não se engajaram nas mudanças não ajuda a acelerá-las. Ao contrário, pode dificultá-las. Assim, destacamos hoje algumas dicas para preservar um estado de espírito positivo, que facilita a comunicação e o entendimento seja com quem for, elaboradas por Marcela E. Diaz em artigo no seu blog.

1 – Desfrute os prazeres diários

Comidas: aprecie a cor, a textura, o aroma e o sabor de seus alimentos. Comidas estimulam vários sentidos de nosso corpo e despertam uma experiência sensorial que amplia a produção das endorfinas. Elimine a gula, a pressa e pratos sem graça e insossos

Músicas: escutando música podemos penetrar em uma experiência sensorial profunda e alterar nosso estado de ânimo imediatamente. Para aumentar as endorfinas, crie um ambiente prazeroso com as músicas que mais lhe agradam.

Aromas: os odores têm um grande efeito inconsciente em nosso estado de ânimo e em nossas recordações. Nosso corpo elabora endorfinas quando somos estimulados por aromas agradáveis.

2 – Exercite-se

Movimentar-se ao ar livre, caminhando, correndo ou pedalando elimina a depressão e o desânimo. É a maneira mais rápida de elevar as endorfinas.

3 – Ria

Rir é um excelente estimulante do corpo, tanto físico como emocional. Melhora a respiração, libera tensões. Assistir comédias, espetáculos stand-ups, procurar encarar os fatos com leveza, saber rir de si mesmo e de seus erros. Tudo isto produz endorfinas também.

4 – Sonhe o futuro

Mesmo se o presente não está bom, planeje o futuro que deseja para si. Liberte-se do passado e aja, no presente, de forma a construir seus sonhos. Com projetos positivos nos motivando, tudo fica mais fácil.

5 – Mantenha um hobby

Quando sentir que suas reservas de endorfinas estão acabando, recorra a uma atividade de que goste. Ao fazer uma atividade ou trabalho que nos dá prazer, aumentamos as endorfinas imediatamente.

6. Recorde sucessos

Ao relembrar acontecimentos felizes, o cérebro os experimenta e revive como se acontecessem no presente. As reações no corpo se repetem e endorfinas são liberadas. Então, grave em detalhes seus momentos de alegria e lance mão da memória sempre que algo o fizer sentir-se desanimado.

7. Mantenha contato físico regular com outros

É importante estimular o sentido do tato, pois este estimula as terminações nervosas. Massagens periódicas equilibram e liberam as endorfinas. A produção hormonal também aumenta quando temos contato físico com pessoas de quem gostamos.

8. Rodei-se de fontes de alegria

Cerque-se de gente querida, onde boas trocas se estabelecem. Mantenha a curiosidade e o interesse por vários temas e varais pessoas. Uma grande fonte de felicidade é observar e surpreender-se com as pequenas coisas da vida.

Anúncios

From → Uncategorized

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: