Skip to content

Brasil apresenta iniciativas a países africanos

20/01/2015

6 setembro 2010 às 8:00

Foto PNUD –Programa 1 Milhão de Cisternas

Cisternas destacam-se como solução eficaz e barata contra a seca

Egon Krakhecke, secretário de Extrativismo e Desenvolvimento Rural Sustentável do Ministério do Meio Ambiente brasileiro, reuniu-se com Kaza Abdou, ministro de Recursos Hídricos de Níger para troca de informações sobre combate à desertificação.

Na ocasião, Krakhecke aproveitou para destacar iniciativas brasileiras que têm melhorado a convivência com o semi-árido brasileiro. Entre elas, as mais de 300 mil cisternas de 16 mil litros instaladas em conjunto com a população. Elas são abastecidas com água de chuva na temporada úmida, através de calhas nos telhados e fornecem água no período de seca.

O combate ao desmatamento foi outro ponto levantado pelo secretário como medida de luta contra a desertificação. Ele contou que o Brasil faz o monitoramento dos biomas para impedir a expansão da derrubada das florestas. A Caatinga, bioma mais afetado pela desertificação, já perdeu 45% de sua vegetação em consequência do desmatamento.
O diretor da Agência Nacional de Águas, Bruno Pagnoccheschi, disse que o Brasil tem parceria com a Comissão de Países de Língua Portuguesa. Em Moçambique, são desenvolvidas ações de abastecimento de água para a população do campo e de monitoramento. “É promissor ampliar isso a outros países africanos”, destacou.
O ministro de Níger contou que o país, que possui 77% de sua área desertificada, sofre com os grandes períodos de seca e com as chuvas, que devastam a região. “Depois da seca, as chuvas são violentas, levam animais, inundam e destroem plantações, levando as sementes plantadas”, lamenta. Aprender a aproveitar esta água para os períodos secos é crucial.

O encontro aconteceu durante a Segunda Conferência Internacional: Clima, Sustentabilidade e Desenvolvimento em Regiões Semiáridas – ICID 2010, de Fortaleza que possibilitou diversas trocas similares entre o Brasil e outros países com áreas sob risco de desertificação.

Com informações do Ministério do Meio Ambiente – MMA

Anúncios

From → Uncategorized

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: